Category Archives: Uncategorized

Moradores convivem com carros abandonados no bairro do Estuário

Quem transita pelas ruas do bairro Estuário, em Santos, não precisa andar muito para encontrar veículos em situação de abandono. São carros sujos, enferrujados, muitas vezes, sem placa e partes como retrovisor, bancos e até motor.

A reportagem do Diário do Litoral flagrou, ao menos, 10 veículos nestas situações. Dois estavam na Rua Doutor Bernardo Browne. O primeiro, um Fiat Palio, fabricado em 2000, com placa de Santos, estava sem faróis e retrovisores. Em frente a este, estava um Fiat Uno Mille, de 1996, com placa de Praia Grande, com parte da carcaça corroída pela ferrugem. Os vidros de ambos estavam sujos a ponto de não conseguir enxergar dentro do carro.

Já na Rua Coronel Raposo de Almeida eram 4 carros. O único emplacado era um Kadett, de 1994, com placa de Santos. Além dele, estavam abandonados um Renault, uma Kombi e um Gol, modelo antigo. Todos com a lataria bastante corroída pela ferrugem. Em pior estado estava o último, já sem vidros, portas e bancos.

Ford Fiesta abandonado, na Rua Otávio Côrrea, está sem motor e rodas (Matheus Tagé/ DL)

Ford Fiesta abandonado, na Rua Otávio Côrrea, está sem motor e rodas (Matheus Tagé/ DL)

Outros cinco carros em más condições foram flagrados na Rua Otávio Corrêa. Foram um Ford Royale, de 1994, com placa de Santos, uma BMW, de 1993, com placa de São Bernardo do Campo, um Fiat Marea, de 1998, com placa de Santos, um Ford Fiesta, de 1994, com placa de Santos, além da carcaça de um carro, sem identificação, em cima de um cavalete. Todos em estado semelhante aos outros relatados.

Moradores reclamaram da situação. Dizem que os veículos abandonados ocupam as vagas nas ruas, deixando os habitantes do bairro sem local para estacionar o seu veículo. Além disso, os munícipes afirmaram que a situação já se arrasta há anos e que realizaram denúncias à Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), mas que nada foi solucionado.

Fonte: http://www.diariodolitoral.com.br/

Advertisements

Carros abandonados em estacionamentos de rodoviária: isso rola!

RC 2

Carro está abandonado na Rua F2, no setor Faiçalville II, em Goiânia-GO.

RC 2

Segundo o nosso repórter cidadão, Tony Júnior o descaso dura cerca de dois anos.  O carro está cheio de larvas do mosquito transmissor da dengue.

Calçadas e ruas obstruídas por carros abandonados

carros_interna

Através das ferramentas oferecidas pelas mídias sociais, leitores e internautas chamam atenção e pedem providências às autoridades quanto à presença de veículos abandonados em diversos bairros da cidade. Esses carros normalmente são deixados estacionados e tem peculiaridades que chamam bastante atenção, como por exemplo a presença de mato crescendo por baixo, a sujeira típica provocada pelas intempéries e até a presença de ferrugem.

O problema já é antigo e foi denunciado pelo jornal O DIÁRIO algumas vezes. Em várias oportunidades, a Secretaria Municipal de Segurança Pública tomou providências e rebocou para depósito público veículos que obstruíam acessos e serviam como depósito de lixo e até locais de proliferação de vetores. Atendendo a solicitação de um leitor, nossa equipe saiu às ruas novamente nesta segunda-feira, constatando que a cena se repete em vários bairros.

Este Megane está no bairro de Agriões. Apesar do bom estado, seu último licenciamento no banco de dados do Detran consta em 2007

O primeiro carro com aparência de abandono estava na Rua Tietê, esquina com Praça John Kennedy, em Araras. Um Volkswagem Fusca, ano 1976, está esquecido. Com duas rodas sobre o passeio, o automóvel clássico tem todos os sinais de que foi deixado ali pelo seu proprietário. Chama atenção o estado da placa traseira, que é praticamente ilegível à distância. Segundo os registros do Detran, o último licenciamento do Fusquinha aconteceu no ano de 2002. Desde então ele não passou por vistorias.

Não muito longe dali, um Kadet Ipanema estaria na mesma situação na Rua Aguapeí. O mato à volta e até uma pichação feita com uma caneta pilot denunciam o quadro. O último licenciamento deste veículo foi emitido em 2013.

O terceiro caso foi localizado na Rua Ferreira de Castro, em Agriões. Um Renault Megane azul está estacionado e com os mesmos sinais. O veículo está em bom estado e seu último licenciamento é de 2007.

A reportagem também puxou uma consulta à base do Banco Nacional de Mandados de Prisão e nada consta sobre os três veículos.

– Mais: http://netdiario.com.br/calcadas-e-ruas-obstruidas-por-carros-abandonados/#sthash.WjyZF8B4.dpuf

Carros abandonados em ruas de Birigui preocupam moradores

abandonados

Por mês, cerca de dez carros são notificados no município

 

Uma situação que vem preocupando os moradores de Birigui (SP), são carros abandonados em algumas ruas da cidade. Os veículos sucateados podem se transformar em criadouros do mosquito da dengue. Em uma mesma rua, até quatro carros foram abandonados.

A aposentada Geni Correa confessa: um dos veículos abandonado na cidade é do marido dela, depois que o motor fundiu.  “O motor estava estragado não tinha mais o que puxar, então falei para ele deixar o carro parado neste local”, explica a aposentada.

Cenas parecidas de carros abandonados se repetem a poucos metros. Há duas semanas, o empresário Thiago Svaiger abandonou na mesma localidade um carro sem condições de uso. “Esse carro não tem documentação em dia, fora que ele não tem condição de rodar por causa do pneu entre outras coisas. Ele será destinado a reciclagem”, explica o empresário. Ler mais!

fonte: Do G1 Rio Preto e Araçatuba